Imagem capa - CONHECENDO A FINLÂNDIA por Filipe Abras Photography
Viagens

CONHECENDO A FINLÂNDIA



A Finlândia não é o primeiro destino quando o assunto é ir para fora do país, talvez algumas pessoas não tenham nem ideia o que é esse lugar ao norte da Europa. Por isso, quero compartilhar com você uma das experiências mais incríveis que já tive. Quem sabe não vire o destino da sua lua de mel hein?

Neste post vou contar um pouco de como foi a minha experiência na terra do Papai Noel, sim o bom velhinho vem de lá. Vou falar sobre os pontos turísticos de Helsinki, sobre a comida, a cidade e outros lugares que com certeza você tem de conhecer. Também não posso deixar de dizer sobre os trabalhos fotográficos que fiz por lá.

Porém, essa história começou em 2015 quando conheci um camarada chamado Emil ou Emilio. Posso dizer que minha vontade de conhecer a Finlândia nasceu ali, creio que pelo fato de termos nos tornados como irmãos. Essa é uma daquelas coisas que acontecem na nossa vida que não conseguimos explicar rs.

Depois da segunda passagem do Emil pelo Brasil no carnaval de 2017, eu fiquei meio ansioso pra poder viajar também e muuuuito afim de ir pra Finlândia. Não ter saído do Brasil ainda era uma ideia que me perturbava.

Então foi ai que decidi comprar minhas passagens para Helsinki - Finlândia.

 





2015 quando conheci o Emil


No total eu fiquei um mês por lá e a vontade era de ficar mais haha. Mas não podia abandonar minhas noivinhas aqui no Brasil.

De forma geral Helsinki é uma cidade muito linda, todo lugar que você olha é como um quadro arte, uma inspiração para clicar. É uma cidade inspiradora, além de ser bastante organizada. Tudo é muito limpo e de fácil acesso, fiquei bastante impressionado com a qualidade do transporte público e com toda sinceridade, não senti falta em nenhum momento por não ter um carro. Tudo funciona perfeitamente bem por lá.

A cidade de Helsinki tem diversas opções de lazer, como bares, restaurantes, pontos turísticos, cassino (não esqueça seu passaporte caso queira entrar rs) e cada lugarzinho tem seu charme. Depende muito de qual o seu gosto. Mas com certeza vai ter um cantinho para você se apaixonar por lá.

Além disso, a sensação de não ter o risco de ser assaltado é muito boa, algo raro de acontecer por aqui. Por este motivo, fiz questão de aproveitar a sensação de andar no meio da noite com o celular na mão sem ter o sentimento de que a qualquer momento dois caras em uma moto iriam aparecer rs.



Uspensk Cathedral - localizada no centro de Helsinki



Senaatintori ou Praça do Senado (foto de celular)



Kaivopuisto local com uma bela vista de Helsinki e um lindo por do sol no verão


Coração de Helsinki. Rua do shopping Stockmann principal local de compras da cidade.




Ponte no centro da cidade, próximo ao Parque Kaisaniemen




SkyWhell Helsinki é uma roda gigante com 40 metros de altura e ao fundo a Catedral Ortodoxa de Uspenski



Finnish National Theatre

Lugar secreto (nomenclatura by: Emílio)  um dos lugares mais lindos para se ver o por do sol


Parque Kaisaniemen


Quase dentro de Helsinki tem uma ilha bastante charmosa que se chama Suomenlinna. Para chegar até lá é preciso ir de barco, o bilhete de embarque não chega a 10 euros a ida e volta. Além do baixo custo, você pode aproveitar uma bela paisagem com algumas pequenas ilhas no caminho.

Suomenlinna é uma ilha cercada de histórias e tem um significado bastante legal, além disso, o lugar tem uma magia que você só consegue sentir quando pisar lá. Claro que não poderia deixar de recomendar, você precisa tomar um chá gelado e comer um dos quitutes finlandeses que são vendidos na ilha, tenho certeza que não irá se arrepender.

Se quiser saber mais sobre a ilha de Suomenlinna vou deixar o link aqui para você conhecer mais da história e do lugar.

Saiba mais sobre a Suomenlinna aqui.



Delicioso chá de maça que é vendido na ilha.









Como se pode ver a ilha é bem fotogênica, e como um bom fotógrafo não poderia perder a oportunidade de criar alguns retratos.  Para faze-los mais uma vez explorei do meu parceiro de viagem, guia turístico, cozinheiro e modelo, Emilio. 

Além disso, uma das vantagens de conhecer os lugares juntamente com alguém local é que o passeio fica mais prazeroso e você tem mais paciência para parar e criar alguns retratos, conversar e realmente aproveitar ao máximo.




Falando um pouco sobre a comida típica da Finlândia, ela é basicamente formado por peixe (principalmente salmão) e massas, como macarrão e lasanha. Mas não posso me esquecer em especial do Ruisleipä, que é um pão formado por diversos cereais, tem uma cor mais escura, é super saudável e o melhor de tudo, fica uma delicia com margarina, queijo (os laticínios de lá também tem o gosto diferente, porém mais gostosos) e presunto.

Mas a coisa que mais me surpreendeu foi que quando as pessoas vão a pizzaria, cada um pega uma pizza GIGANTE para cada um. Além disso, você tem a opção de pegar uma caneca de 1L de cerveja para acompanhar. O combo com a cerveja custa em média 8 euros e onde conheci essa maravilha fica localizado no Kamppi, um bairro no centro de Helsinki.



Pastel da Carélia (karjalanpiirakka)








 




Além disso, tive a chance de fazer algo que quase nenhum turista tem a oportunidade de fazer, que é conhecer as casas de campo. De uma forma geral tem algumas que ficam bem próximas a Helsinki, tive o prazer em ir em duas, a primeira fica a menos de uma hora da cidade de carro (essa é da família da Luisa, namorada do Emil) e a outra um pouco mais de uma hora e meia da cidade de trem (essa é onde os pais do Emil moram).

Além de uma beleza espantosa, a simplicidade me conquistou. Principalmente na segunda, que a única luz disponível era das estrelas, do luar e fogueira. Agora imagine acordar olhando para um lindo lago cercado de árvores. A sensação é como se Deus te desse um abraço logo pela manhã. Mas não para por ai, nós também pescamos, pegamos sauna (que aliás foi inventada pelos próprios finlandeses) e até rolou uma mini olimpíadas com tiro ao alvo, mini golfe, arremesso de dardos e outras games que o Papai (pai do Emil que agora é meu pai também) fez. E não se pode esquecer da tradição finlandesa, que é a seguinte: Depois da sauna, a ordem é pular no lago, bem gelado por sinal, peladão, depois correr de volta pra sauna (bem que tiramos algumas fotos, mas essas não vão estar por aqui haha).

















Como se diz no filme Into the wild "A felicidade só é verdadeira quando compartilhada". Isso é pura verdade, esse final de semana em Fiskars só foi tão bom, justamente pelas companhias que se faziam presentes. Então aquele salve pro Papai, Emil e Cris




Essa cidade se chama Fiskars, nome dos famosos (na Finlândia rs) produtos Fiskars como tesouras em geral, tesouras de jardim, e outros artigos para casa. Uma cidade bastante aconchegante e linda, além clima bem gostoso de interior.

Mas essa pequena cidade nos surpreende com as belas paisagens, tanto na região dos lagos como mais ao "centro". Nessa cidade também tive a oportunidade de "jogar golfe", pois é pessoal, acertar aquela bolinha é bem mais difícil do que parece, então precisava de mais algumas aulas para conseguir realmente jogar kk.

Uma coisa que eu adorei foram as florestas, que são extremante lindas e as ovelhas, ahh como são fofas.



Durante esse tempo que estive por lá, pude fazer coisas muuuito legais, que até já contei para vocês. Mas claro, eu amo fotografar e não poderia voltar sem clicar alguns ensaios. Porém, não para por ai.

Uma das experiências mais legais que já fiz foi acompanhar o Younghearted. Vocês devem estar se perguntando "What a hell its Younghearted",  essa é banda do Emilio, porém ela é simplesmente a melhor banda da galáxia e eu não falo isso pelo meu amigo, mas sim porque eu adoro o som dos caras.

Quando conheci o Emil ele já tinha me mostrado a banda dele e já tinha me apaixonado de cara, então agora eu tive a oportunidade de conhecer o restante da galera e acompanhar eles nos shows, ficar no camarim, comer e beber de graça (pensamento de gordo kkk mas nada mau né?).

Vou deixar aqui pra vocês os links dos dois ensaios que fiz por lá e também do Younghearted pra vocês conhecerem, o mundo precisa saber disso kkk

Ensaio Emil + Luisa

Ensaio Atte

Yonghearted










Mas sempre o que torna as coisas especiais são as pessoas. Por isso, eu gostaria de agradecer todos que me trataram tão bem e tornaram essa uma das experiências mais fascinantes da minha vida. Simplesmente eu não tenho como dizer o quão feliz eu estou em ter conhecido cada um e essa viagem não teria sido tão incrível sem a presença de todos que conheci. Me aguardem que em breve eu estarei de volta. I love you guys.

Att, Filipe Abras.